Bogotá – Colômbia: turismo e Andres Carne de Res

1. Em qual hotel se hospedou?

Ficamos no GHL Los Heroes. Achamos um bom custo beneficio pela localização. Ficava perto entre a zona G e a zona Rosa, dava para ir a pé, ou pegar um taxi bem baratinho, mas custava bem menos do que os hotéis nessas regiões mais valorizadas. Atendimento padrão executivo, quarto e banheiros bem grandes e confortáveis. Ótimo café da manhã. Eu esqueci um par de sapatos lá e eles disseram que mandaria a qualquer endereço na Colombia sem custo (sorte minha ter um contato!!)

2. Que restaurantes/lugares para comer recomenda?

Em Bogotá tivemos varias recomendações mas como era fim de ano a maioria estava fechada. Recomendo muito o Andres Carne de Res (que fica em Chia a 30 minutos de Bogotá), é um restaurante-bar-balada que é muito legal. Tem a decoração mais caótica que já vi, mas funciona muito bem, o restaurante cobre uma quadra inteira e na frente tem um estacionamento deles que vende comidinhas na madrugada e tem uma enfermaria pra que não agüentar … O atendimento é muito bom e a equipe composta por jovens simpáticos e animados. A música é variada e as garçonetes até fazem um número de dança no meio da noite. O cardápio é demais. Tem pratos que representam diversas regiões da Colômbia, bem típicos. E o cardápio físico é em formato de revista e você pode levar pra casa. Eles tem uma filial em um shopping em Bogotá, mas o original dizem ser melhor. No mesmo shopping tem também a Plaza de Andres,  é uma praça de alimentação com a mesma temática do restaurante, mas com diversas lojas separadas (carne, sanduíches, frango, crepes, peixes etc. ) Vale conhecer também!

Outro famoso é o Rafael, nós fomos na Despensa de Rafael que é o restaurante mais informal dele. O ambiente é mais descolado-jovem dá pra gastar uns R$120 (casal).

3. Quais os pontos altos?

Fomos meio perdidos e procuramos o centro de atendimento ao turista na Plaza Bolivar (no centro), lá recebemos uma mapa e orientação dos principais ponto a visitar. A maioria dá pra fazer a pé a partir da Plaza. Na própria praça dá pra ver o palácio de jsutiça e o capitólio. E bem pertinho fica a Casa Nariño que é sede da presidência.  A região melhor para se hospedar fica longe do centro, mas dá pra chegar lá de transmilenio ou de taxi por uns R$12. No centro vale muito andar pela Candelaria. Não perca o museo botero (obras doadas por ele) e o Museo del Oro, muito bons! São vários museus como a casa da moeda, o museu militar, escolha o que for do seu interesse. Saindo do centro, se quiser ver Bogotá do alto, vale ir andando até o Edificio Colpatria o maior de Bogotá. Ali perto tem também a Plaza de toros, onde ocorrem as corridas de toros (touradas). Por ali ainda fica o Santuario Montserrat, pra quem curte altura e igrejas. Os bairros mais badalados são a zona rosa (compras), zona g (gastronômica) e El parque de La 93. Vale uma visita ao parque Simon Bolivar.

4. Quais os micos?

Evite visitar Monteserrat em domingos ou feriados locais, fomos nos dias de reis e não dava para chegar perto, pois eram milhares de romeiros,voltamos em outro dia mais tranqüilo.

 

Esse post faz parte de uma viagem gastro-cafeeira feita pela Ana Kanamura e pelo Evandro Aguiar por algumas cidades da Colômbia

As infos sobre cada cidade estão em posts separados:

Clique aqui para ir para Pereira – pequena cidade na área cafeeira

Clique aqui para ir para Cartagena – cidade histórica na costa

Clique aqui para ir para Bogotá – capital da Colômbia

ou aqui para o post geral da viagem

 

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s