Luang Prabang – Laos (mil monges, mil Budas e sanduiche de gorgonzola)

A charmosa cidade de Luang Prabang, como patrimônio mundial da humanidade tombado pela UNESCO, é um dos principais destinos turísticos do Laos.

Lá se pode apreciar a mistura da arquitetura típica do Laos e de construções colonialistas francesas – essa mistura Oriente Europa deu super certo, a cidade é muito agradável e tem ótimos restaurantes típicos e a influência francesa deu uma gourmetizada no lugar.

Luang Prabang

Doações aos monges (monks alms collection)

monges recebendo doações - foto para o álbum

A principal atividade turística lá é acordar beem cedo para ver a procissão de monges (eles representam cerca de 10% da população dessa cidade budista) recebendo doações de comida, principalmente arroz.

Os locais vem para as ruas e se ajoelham com seus potes de arroz e esperam os monges todos os dias. Os monges representam Buda e as doações são uma forma de inspirar boas ações e venerar os antepassados.

A comida recebida é o café da manhã dos monges, que fazem apenas duas refeições por dia, depois do meio dia eles só podem beber água.

monges recebendo doações 2 - assim que é estar lá

Os monges com suas roupas coloridas dão um toque especial para qualquer foto, imaginem então um batalhão de monges laranjados! Rende fotos bonitas mesmo, mas fiquei com a mesma impressão de quando fomos ver as mulheres girafa da Tailândia, meio de zoológico, os monges super zen fazendo as atividades diárias deles e um milhão de pessoas  se acotovelando pra tirar fotos como se eles fossem coisas (enfim, eu estava no meio do bolo também, é uma constatação, não uma crítica)

Feirinha noturna

A noite na rua principal da cidade tem uma feira gigante, com artesanato, comida, roupas e tudo o que se tem direito e é bem barato.

a feira começa lá pelas 5 da tarde

quadrinhos custam 1 ou 2 dolares

Passeio Rio Mekong e Cavernas Pak Ou

Esse é um passeio bem legal que começa as nove da manhã.

posto de gasolina para barcos

Passeiozinho de barco pelo Rio Mekong e visita a Vila do Whisky (a bebida local do Laos é o whisky de arroz) rumo a Caverna dos 3 Mil Budas.

rio mekong

whisky de arroz, bebida típica do Laos

 
 
 
 

 

 
 

entrada de Pak Ou

pak ou - caverna dos 3 mil budas

 
 
 

 

 
 

pak ou - mais budas

Restaurantes

Luang Prabang é bem gourmet, a invasão francesa trouxe uma oferta de baguetes com queijo gorgonzola que eu agradeço aos céus, porque quando chegamos lá eu já estava meio cansada da comida asiática.

Entre os restaurantes que fomos, os destaques foram:

Tamarind – pequeno e descoladinho, com vista para um dos principais templos da cidade. Oferece menus de degustação, aulas de culinária local e vende livros e produtos típicos. Lá comemos o prato típico que eu mais gostei, Capim limão recheado com frango.

Cafe Ban Vat Scene

Um café francês com wi-fi em um quarteirão bem pitoresco, com monges passeando de guarda-chuva. Comi um Quiche Lorraine maravilha enquanto lia um livro com fotos da Indochina antiga.

cafe ban vat scence em luang prabang

monges passeando no horário de almoço

Angkor Wat em 1921

 Tum tum Cheng

Esse era o restaurante “Our pick” do Lonely Planet. Lindo, mas um pouco caro, dividimos os pratos e comemos o Laap de peixe, uma salada de peixe, arroz grudento (sticky rice) e entradas típicas. Gostoso, mas nao achei nada demais, tanto que depois de provar os pratos típicos do Laos até desistimos de fazer as aulas de culinário, a comida tailandesa e do Camboja são mais do meu paladar.

tum tum cheng

entrada - biscoito de arroz, amendoim e misturinha apimentada de tomate

cerveja do laos

Laap de peixe - prato típico do Laos

Hospedagem: Silichit Guest house

Sobre a guest house

Ficamos em uma guest house bem legal. Nosso quarto era gigante, tinha banheiro no quarto e tinha sacada com vista pro Rio Mekong. Saiu uns 10 dolares por noite acho (estavamos em duas, então saiu 5 pra cada)

vistinha do quarto

Outros relatos legais:

De volta ao mundo: Sanduiche de memórias do Laos

Our Mad World: Luang Prabang – the nigh market

Anúncios

One thought on “Luang Prabang – Laos (mil monges, mil Budas e sanduiche de gorgonzola)

  1. I am so glad you were able to do this and the both of you look so comfortable on these large, but I am sure, etgnle animals.I think it is wonderful to be able to be a little part of their lives, more than just riding them, but also spending the day with them, getting to know a little of what they are like.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s